Sony patenteou ‘sacada’ de Death Stranding antes de lançar o jogo

A Sony teve grande sucesso ao patentear a mecânica de construção de caminhos apresentada no jogo Death Stranding. A patente, que foi depositada quatro meses antes do game originalmente lançado no PS4 e concedida apenas na terça-feira (7), é batizada de ‘radar de terreno e construção gradual de uma rota em um ambiente virtual de um videogame’.

Essa patente protege uma das características mais interessantes do game, em que os caminhos podem ser melhorados dependendo de quantos jogadores os utilizaram anteriormente. A proteção se refere a ‘melhorar o primeiro caminho com base em um número de vezes que o primeiro caminho foi percorrido por […] um ou mais caracteres’.

A afirmação parece descrever bem as características parecidas vistas em Death Stranding, em que os jogadores podem fazer caminhos, construir pontes e deixar itens para outros Players, que visitarão as mesmas áreas no futuro, mesmo que o jogo de cada usuário seja uma experiências separada. Agora que a patente foi concedida, isso pode tornar difícil para outros desenvolvedores usarem sistemas semelhantes em seus próprios jogos sem que a Sony tome medidas legais.

Death Stranding
Death Stranding (Foto: Reprodução)

E esta nem é a primeira vez que um editor patenteia uma ‘sacada’ de jogo. A Warner Bros. recebeu críticas de alguns desenvolvedores no começo do ano, após conseguir patentear a Terra-média: Shadow of Mordor Nemesis System. A patente cobre um sistema com NPCs gerados proceduralmente que existem em uma hierarquia e interagem com as ações dos jogadores e se lembrarão delas. Ou seja, qualquer sistema desse tipo agora é propriedade da Warner Bros. Games. O que acha dessas patentes que protegem certas mecânicas nos jogos?

Via: Chris Scullion/VGC

Karla Sthefany , Observatório de Games.

Fonte: Observatório de Games.

sex, 10 dez 2021 17:00:57 -0300

No comments

Deixe uma resposta

Publicidade

Publicidade

Jogos!

Buscador – Encontre tudo que precisa na Internet!