Além da Rainha Elizabeth, o universo gamer também possui algumas rainhas inesquecíveis

Ontem um dos maiores símbolos da monarquia morreu aos 96 anos de idade. A Rainha Elizabeth governou o Reino Unido por 70 anos. E sem dúvida é um dos nomes mais reconhecidos mundialmente. Muitos dos famosos tiveram seu tempo e espaço, mas Elizabeth II esteve nos holofotes e vivenciando a história (e sendo parte dela), durante toda a sua vida.

Diferente de muitas personagens femininas que o mundo ficou acostumado a ter como padrão, a rainha sempre foi forte e teve pulso em todos os sentidos. Até mesmo Doctor Who usou isso como crítica em um episódio quando um pai de família (machista), diz que jamais uma mulher iria mandar nele e o nosso heróis pergunta se ele falaria isso para a Rainha. A resposta é um silêncio bem constrangedor e que mostra como Elizabeth era vista e respeitada.

E lógico que o universo dos jogos também possui personagens femininas fortes e respeitadas, seja elas do lado bom ou ruim. Independente disso, separamos estas 10 melhores rainhas gamers de todos os tempos, que você pode até não concordar, mas que com certeza fazem por merecer o seu título, isso elas fazem! A ordem é aleatória.

10. The Shadow Queen – Paper Mario

A Rainha das Sombras é um demônio imortal da lenda que foi selado em um antigo palácio por mil anos. Quando uma bruxa poderosa elaborou um plano para reanimá-la, Mario e seus amigos decidiram impedir que a rainha renascesse. Infelizmente, a Rainha das Sombras foi capaz de retornar ao mundo físico usando a Princesa Peach como receptáculo.

Ao possuir Peach, a Rainha forçou Mario a lutar contra a mesma mulher que ele havia salvado em tantas ocasiões. A Rainha das Sombras tinha vários feitiços à sua disposição, mas Peach de alguma forma bloqueou seu poder e a deixou desconfortável o suficiente para revelar sua verdadeira forma. Com a Rainha das Sombras distraída pelos bons desejos dos etéreos Crystal Shards, Peach deu seu poder restante a Mario. Isso finalmente permitiu que ele derrotasse a Rainha das Sombras e a selasse.

9. The Dark Queen – Battletoads Series

A maioria das pessoas se contentaria em governar um único reino, mas a Rainha das Trevas quer dominar a Terra e conquistar toda a galáxia! Para isso, a feiticeira do espaço conta com sua magia das sombras, um exército de mutantes e seus poderes de sedução.

A história para a versão Game Boy de Battletoads mostra a Rainha das Trevas disfarçando-se de dançarina exótica para distrair seus inimigos. A Rainha das Trevas é um dos primeiros exemplos de uma femme fatale em um videogame, e ela merece reconhecimento como uma das mulheres mais “hots” da era dos 8 bits.

8. Sindel – Mortal Kombat Series

Sindel já governou como Rainha de Edenia com seu marido Jerod. Infelizmente, um imperador do mal chamado Shao Kahn invadiu seu reino, matou seu marido, escravizou seu povo e tomou sua filha como sua.

Com toda a esperança perdida, Sindel foi levada ao suicídio. Isso normalmente teria sido o fim de sua história, mas Shao Kham reviveu Sindel com magia negra antes de posteriormente fazer uma lavagem cerebral nela e reivindicá-la como sua esposa.

Sem memória de seu passado, Sindel mostrou lealdade inabalável a Shao Khan. Com a ajuda de sua filha, Sindel percebeu que estava sendo manipulada e prometeu levar Shao Khan à justiça. Sua história foi modificada na reinicialização de Mortal Kombat de 2011, no entanto. Neste passeio, Sindel foi decididamente mais implacável e acabou matando a maioria dos heróis em uma única batalha.

7. Mikoto – Fire Emblem Fates

Mikoto se destaca nesta lista como um farol de luz brilhante. Enquanto a maioria de seus contemporâneos são definidos pela maldade e traição, Mikoto é uma alma generosa que se preocupa profundamente com seu povo. Mikoto governou Hoshido com seu marido por algum tempo, mas seu reinado como rainha não foi fácil.

As tensões entre Hoshido e o reino vizinho de Nohr aumentaram depois que seu marido foi morto e seu filho foi sequestrado. Mikoto agonizou por seu filho perdido, mas criou os quatro filhos de seu falecido marido como se fossem seus. Todo o tempo, Mikoto manteve seu reino seguro criando uma barreira mágica.

Mais do que qualquer outra pessoa nesta lista, Mikoto é uma figura matriarcal com uma paciência incrível. Ela é distraída às vezes e é descrita como uma boba da corte acidental, mas mantém a compostura quando necessário e age como uma sábia.

6. Queen Protea – Radiant Historia

Protea é a Rainha de Granorg, mas não poderia estar menos interessada nos apelos de seu povo. Ela se preocupa apenas consigo mesma e se entrega ao luxo às custas de seu reino. Após a morte do marido, Protea se deixa manipular por seus conselheiros e se deixa levar pelo glamour da realeza. Em questão de anos, cadáveres estão espalhados pelos becos e seus súditos estão morrendo de fome.

Protea é uma mulher vaidosa, cruel e estúpida que não tem ideia de como governar de maneira responsável. Aliás, o rei só se casou com ela por causa de sua aparência.

5. Morrigan – Darkstalkers Series

Morrigan Aensland pode não se encaixar em nossas noções preconcebidas de realeza, mas a súcubo lasciva é a governante legítima do reino demoníaco de Makai. Como princesa, Morrigan buscou estímulo constante e desenvolveu uma obsessão pelo mundo humano.

Seu pai adotivo, Belial, era uma figura lendária e um governante benevolente, mas Morrigan só começou a levar a sério suas responsabilidades reais após sua morte. Depois de ascender ao trono de Aensland para se tornar a governante de Makai, Morrigan estava destinada a manter a posição por 1.200 anos como Rainha da Noite.

Sua veia rebelde tornou-se menos pronunciada ao longo do tempo, mas a hedonista caçadora de emoções ainda gostava da emoção da batalha e estava disposta a provar seu valor lutando contra outros demônios.

4. Queen Brahne – Final Fantasy IX

A rainha Brahne Raza Alexandros XVI governou o Reino de Alexandria com o marido por muitos anos. Depois que seu marido morreu, um misterioso feiticeiro chamado Kuja começou a manipulá-la das sombras. A monarca outrora pacífica tornou-se obcecada pelo poder e causou muitas mortes e destruição enquanto Alexandria travava guerra contra as nações vizinhas.

Sua tentativa de dominação foi reforçada pela criação de um exército mágico que seguiria cegamente seus comandos. A ganância de Brahne era tão insaciável que ela desconsiderou a segurança de sua própria filha. As pessoas ao seu redor usavam termos como “mulher-elefante” para descrevê-la, mas seu exterior mascarava um coração bondoso. Brahne pediu perdão antes de morrer e foi lembrada com carinho por seu povo, apesar de todas as coisas horríveis que fez.

3. Alexstrasza – World of Warcraft

Alexstrasza, a Dobra-vidas, é o Aspecto da Revoada Dragônica Vermelha e guardiã de toda a vida em Azeroth. Como um dos cinco grandes dragões empoderados pelos titãs, ela liderou a resistência à corrupção de Azeroth ao longo de sua existência. Por causa de sua suprema sabedoria e compaixão ilimitada, Alexstrasza foi coroada Rainha do Dragão pelos titãs e recebeu domínio sobre sua espécie.

Embora esteja disposta a defender suas terras quando necessário, ela prefere manter a paz. Para esse fim, ela às vezes adota uma forma humanóide para ver o que os mortais invasores estão fazendo. Altruísmo e poder são companheiros estranhos, e a maioria das mulheres nesta lista faria qualquer coisa para obter mais influência. Alexstrasza, em contraste, é uma líder altruísta que estava disposta a sacrificar a si mesma e sua fuga para salvar Azeroth da desolação total.

2. Queen Zeal – Chrono Trigger

A Rainha Zeal tinha domínio sobre a civilização magicamente mais avançada em Chrono Trigger. Foi sob seu domínio que a humanidade foi introduzida pela primeira vez à magia, e o Reino flutuante do Zelo era o centro da arte, cultura e tecnologia. Com o passar do tempo, a rainha tornou-se perigosamente fixada em usar magia para ganhar influência e poder.

Ela ficou tão obcecada com a busca da imortalidade que começou a explorar os talentos de sua filha para alcançar seus objetivos. Aliás, um alienígena parasita chamado Lavos era a fonte do poder de Zeal, e sua degeneração psicológica tornou-se mais pronunciada à medida que ela continuava a consumir sua energia. Embora Zeal tenha sido corrompido por Lavos, o antigo ser parecia seguir seus comandos até certo ponto. Não é de admirar que seu próprio povo estivesse aterrorizado com ela.

1. Sarah Kerrigan – StarCraft Series

As rainhas geralmente se casam na posição ou herdam o papel por meio de sua linhagem, mas Sarah Kerrigan se instalou como rainha. Uma humana talentosa com poderosas habilidades psíquicas, Sarah serviu a Confederação Terráquea como agente dentro de seu programa secreto Ghost. Depois que ela foi capturada por uma raça alienígena conhecida como Enxame Zerg, ela usurpou a Supermente Zerg e se declarou sua líder.

De pé sobre os corpos quebrados de seus inimigos, Sarah se proclamou a Rainha das Lâminas e tornou impossível para qualquer um contestar seu governo. Ela não é uma monarca tradicional por qualquer extensão da imaginação, mas ela exerce mais poder do que qualquer outra pessoa nesta lista. Sarah não presta atenção a soldados ou naves espaciais, e ela orgulhosamente se descreve como a Rainha mais poderosa do Universo.

Via: Reddit/Blockfort

Alan Uemura , Observatório de Games.

Fonte: Observatório de Games.

sex, 09 set 2022 12:24:23 -0300

No comments

Deixe um comentário

Publicidade

Publicidade

Jogos!

Buscador – Encontre tudo que precisa na Internet!