Elon Musk apresenta primeiro robô humanóide da Tesla: Optimus

O bilionário da tecnologia Elon Musk apresentou o mais recente protótipo de um robô humanóide que está sendo desenvolvido por sua empresa de carros elétricos, a Tesla. o robo, chamado Optimus, e não é o Prime de Transformers, subiu ao palco num evento do Vale do Silício, onde acenou para o público e levantou os joelhos.

O CEO disse que o robô estava em andamento, mas poderia estar à venda ao público em alguns anos. Os robôs de mercado de massa da Tesla serão testados em empregos nas fábricas de automóveis, segundo informaram os engenheiros da empresa. O protótipo foi levado ao palco durante uma apresentação anual do Tesla AI Day.

Foi mostrado às pessoas um vídeo do Optimus realizando tarefas simples, como regar plantas, carregar caixas e levantar barras metálicas. Musk disse que os robôs serão produzidos em massa, a um custo inferior a US$ 20.000 (R$ 103.072,00), e estarão disponíveis em três a cinco anos. O chefe da Tesla falou de “um futuro de abundância” pela frente.

“É realmente uma transformação fundamental da civilização como a conhecemos”, continuou ele. “Ainda há muito trabalho a ser feito para refinar o Optimus e provar isso”, disse Musk, acrescentando mais tarde: “Acho que o Optimus será incrível em cinco ou 10 anos, como alucinante”. Ele disse que os robôs humanóides existentes estão “faltando um cérebro” – e a capacidade de resolver problemas por conta própria.

Por outro lado, segundo Musk, Optimus seria um “robô extremamente capaz” que a Tesla pretenderia produzir na casa dos milhões. Ao desenvolver um negócio de robótica, disse Musk, a Tesla está mudando os termos de uma conhecida declaração de missão que se tornou parte de seu apelo para investidores e ativistas climáticos, comprometendo-se a “acelerar a transição do mundo para a energia sustentável”.

“O Optimus não está diretamente alinhado com a aceleração da energia sustentável”, disse Musk. “Acho que a missão se alarga um pouco com o advento da Optimus para – você sabe, eu não sei: tornar o futuro incrível.” Segundo ele, “no futuro os humanoides poderão ser usados para fazer tarefas domésticas, como cozinhar, cortar a grama, cuidar de idosos e até mesmo se tornar um “amigo” ou um parceiro sexual”.

Críticas

Robô usando um computador com código binário, inteligência artificial no conceito de tecnologia futurista, ilustração 3d

Musk descreveu o evento como destinado a recrutar trabalhadores, e os engenheiros no palco atenderam a um público técnico. Eles detalharam o processo pelo qual Tesla projetou as mãos do robô e usou a tecnologia de simulador de colisão para testar a capacidade do robô de cair de cara sem quebrar.

Musk, que já falou sobre os riscos da inteligência artificial, disse que o lançamento em massa de robôs tem o potencial de “transformar a civilização” e criar “um futuro de abundância, um futuro sem pobreza”. Mas ele disse acreditar que é importante que os acionistas da Tesla tenham um papel na verificação dos esforços da empresa. “Se eu enlouquecer, você pode me demitir”, disse Musk. “Isso é importante.”

Muitas reações no Twitter foram positivas, com foco na velocidade do esforço de desenvolvimento da Tesla desde agosto do ano passado, quando a Tesla anunciou seu projeto com uma façanha que fazia uma pessoa de terno branco simular um robô humanóide.

Henri Ben Amor, professor de robótica da Arizona State University, disse que o preço-alvo de Musk de US$ 20.000 era uma “boa proposta”, já que os custos atuais são de cerca de US$ 100.000 para robôs humanóides.

“Há alguma discrepância entre o tipo de ambição e o que eles apresentaram”, disse ele. “Quando se trata de destreza, velocidade, capacidade de andar de forma estável e assim por diante, ainda há muito trabalho a ser feito.”

Aaron Johnson, professor de engenharia mecânica da Carnegie Mellon University, também disse que a necessidade do robô é discutível. “O que é realmente impressionante é que eles chegaram a esse nível tão rapidamente. O que ainda é um pouco obscuro é qual é exatamente o caso de uso para eles fazerem milhões deles”, disse Johnson.

A Tesla também discutiu sua tecnologia de direção autônoma há muito atrasada no evento. Os engenheiros que trabalham no software de direção autônoma descreveram como treinaram o software para escolher ações, como quando entrar no tráfego e como aceleraram o processo de tomada de decisão do computador.

Via: BBC/Reuters/Twitter

Alan Uemura , Observatório de Games.

Fonte: Observatório de Games.

ter, 04 out 2022 12:24:57 -0300

No comments

Deixe um comentário

Publicidade

Publicidade

Jogos!

Buscador – Encontre tudo que precisa na Internet!