Microsoft limita as extensões de assinatura do Xbox Game Pass em alguns países

Observatório de Games.

A Microsoft está limitando as extensões de assinatura do Xbox Game Pass em determinados países para dissuadir os jogadores de empilhar sua assinatura a uma taxa mais barata. Usando códigos digitais ou cartões-presente, as assinaturas do Game Pass podem ser estendidas até um máximo de 36 meses para garantir que os jogadores estejam cobertos sem precisar pagar todos os meses.

No entanto, um número seleto de países está agora excluído devido ao custo mais baixo da assinatura com base nas taxas de câmbio. Isso é para Game Pass Core, Game Pass para Console e PC Game Pass, e não afeta o Game Pass Ultimate. É uma forma que a Microsoft achou de “baratear” seus serviços, mas sem mudar quaisquer valor dentro de cada plano disponível.

O EA Play também pode ser estendido para um máximo de 36 meses, exceto na Argentina e na Turquia, onde o limite é de 13 meses. De acordo com o Xbox-Now, uma comparação de preços do Game Pass mostra que ele custa significativamente menos nesses países, então para eles, essa alteração não faria sentido, seguindo o que a Microsoft idealizou.

Por exemplo, onde o Game Pass Core custa US$9,99 por mês, isso equivale a US$8,78 no Reino Unido. Na Turquia, porém, são apenas US$4,92, enquanto na Argentina são US$4,97. Essa mudança, portanto, provavelmente impedirá que jogadores fora desses países estendam o Game Pass comprando assinaturas a essas taxas mais baixas.

Victor Danesi , Observatório de Games.

Fonte: Observatório de Games.

qui, 11 abr 2024 11:05:00 -0300

Jogue agora!

Veja as últimas noticias!

10209

Publicidade