The Last of Us Part 2 quase teve um final muito diferente

Observatório de Games.

The Last of Us Parte 2 quase terminou com uma personagem quase matando outra, para não dar um spoiler logo de cara. The Last of Us é um dos jogos mais reverenciados e bem-sucedidos de todos os tempos. Não foi apenas um sucesso crítico, foi um enorme sucesso comercial e aparentemente mudou a forma como o PlayStation abordaria os seus jogos no futuro.

Além disso, teve uma repercussão tão forte que a Sony considerou-o digno de uma adaptação e rapidamente começou a tentar descobrir como transformá-lo em um filme antes de torná-lo uma série na HBO que também foi um grande sucesso. The Last of Us Part 2 se tornou um dos jogos mais esperados antes de seu lançamento como resultado de muito disso, mas acredite ou não, não recebeu os mesmos elogios unânimes do primeiro jogo.

A partir daqui com spoilers que podem atrapalhar a 2ª temporada da série e do jogo

A história foi muito polêmica e muito disso foi graças a uma personagem chamada Abby, alguém que mata o querido protagonista Joel nas primeiras horas da sequência que muitos pensaram que veria Ellie e Joel em outra longa aventura, o que não ocorreu infelizmente. Os jogadores passam o resto do jogo em uma missão para vingar Joel e matar Abby, causando muito derramamento de sangue no processo.

Quando Ellie finalmente alcança Abby após vários encontros, ela quase mata a personagem afogada… mas, no final das contas, ela desiste. Ela percebe que a vingança não é a resposta, não é o que Joel provavelmente iria querer, e esta busca desumana por vingança é fútil. Ela deixa Abby ir. Isso realmente irritou muitos jogadores que tinham um desejo compreensível de vingança, pois eram motivados da mesma forma que Ellie, mas como eles não são Ellie, eles são eles mesmos, alguns não se sentiram tão fortemente sobre a decisão dela de deixe Abby ir embora e isso realmente frustrou alguns jogadores. No entanto, isso quase não aconteceu.

Em The Last of Us Part 2 Remastered, os jogadores podem contar a história com comentários do diretor Neil Druckmann e alguns membros do elenco, incluindo Ashley Johnson e Laura Bailey. Nele, Druckmann revela que Ellie teria matado Abby no final do jogo, em um rascunho anterior da história.

Nesse ponto da narrativa, Lev e Yara já teriam morrido, deixando Abby completamente sozinha. O co-roteirista Halley Gross observou que Ellie é capaz de reter um pequeno pedaço da criança inocente do primeiro filho ao não matar Abby, dando-lhe a chance de ser revitalizada da mesma forma que Abby foi neste ponto da história.

É tudo um ‘e se?’ muito interessante e esse cenário e quase certamente mudaria dramaticamente o que The Last of Us Parte 3 poderia ter sido e o que será. Ainda não se sabe se a próxima adaptação do jogo na segunda (e provavelmente na terceira e talvez até na quarta temporada) do programa de TV mudará isso. De qualquer forma, é uma visão fascinante.

Via: X/ComicBook

Alan Uemura , Observatório de Games.

Fonte: Observatório de Games.

qua, 24 jan 2024 09:04:55 -0300

Jogue agora!

Veja as últimas noticias!

9717

Publicidade